Siga por e-mail

segunda-feira, 16 de abril de 2018

Apocalipse Revelado por Alziro Zarur - 1967 - Programa 10

10º PROGRAMA_________________________________________________________


Meus amigos, meus Irmãos,

DEUS ESTÁ PRESENTE!


Escreveu Victor Hugo: “Mais poderosa do que todos os exércitos do mundo, é uma idéia cujo tempo tenha chegado”. O Novo Mandamento de Jesus é esta idéia, é a idéia máxima, a última palavra deste fim de ciclo; caminho da realização da grande profecia do Redentor da Humanidade. Sem o Novo Mandamento não há Religião, nem Filosofia, nem Ciência, nem Política, nem Bíblia, nem Evangelho, nem Apocalipse. Por isso estamos dando um Apocalipse neutro, à luz do Novo Mandamento. Não é um Apocalipse católico, nem espírita, nem protestante, nem judaico. É o APOCALIPSE DE JESUS NA SUA ORIGINALIDADE INTEIRIÇA, IRREPREENSÍVEL E INATACÁVEL. Agora, mais do que nunca, chegou a hora de explicar o Apocalipse, porque Jesus está voltando. Este é o PLANEJAMENTO DIVINO até 1999. Ninguém pode orientar sua vida sem conhecer Apocalipse. Nenhum governante pode saber governar sem conhecer o planejamento apocalíptico: SABER PARA PREVER; PREVER PARA PROVER.

Vamos, então, ao capítulo 3º do Apocalipse de Jesus segundo São João, versículos 1 a 6:

1 – E ao anjo da igreja que está em Sardes ou Sardo, escreve: Isto diz o que tem os sete Espíritos de Deus e as sete estrelas: Eu sei as tuas obras, que tens nome de que vives, e estás morto. 2 – Sê vigilante, confirma o resto que estava para morrer, porque não achei as tuas obras perfeitas diante de Deus. 3 – Lembra-te, portanto, do que tens recebido e ouvido, guarda-o, e arrepende-te. Se não vigiares, virei sobre ti como vem um ladrão, e não saberá a que hora eu virei sobre ti. 4 – Mas também tens em Sardo algumas pessoas que não contaminaram as suas vestes. Comigo andarão de branco, porque disto são dignas. 5 – Aquele que vencer andará de vestes brancas e de maneira alguma riscarei o nome dele do livro da vida. Confessarei o seu nome diante do Pai e diante dos seus Anjos. 6 – Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas do Senhor.

Isto é muito importante, por isso estamos dando apenas alguns versículos para dar uma explicação mais extensa, mais cuidadosa, não o capítulo inteiro para não fazer confusão, principalmente para os neófitos*, os aprendizes de Apocalipse.
Ora, se as datas das igrejas precedentes foram corretamente fixadas, o período abrangido pela Igreja de Sardo, começa no ano de 1798. Sardo significa príncipe ou cântico de alegria, aquilo que permanece. Temos, pois, diante de nós, como constituindo esta Igreja, que muitos chamam de Sardes, as chamadas igrejas reformadas, isto é, da Reforma de Martinho Lutero, desde a data mencionada até o grande movimento que marcou outra Era na História do Povo de Deus. Quando dizemos povo, igreja, não é um povo determinado, de uma determinada religião; não é uma igreja determinada de um sectarismo determinado. Povo de Deus, para nós, é toda a Cristandade do mundo inteiro. Mesmo porque o Moderno Povo de Deus é o do Novo Mandamento. O antigo Povo de Deus foi aquele que aceitou o Decálogo. O Moderno Povo de Deus é o que aceitou o Novo Mandamento Daquele que deu o Decálogo. Para quê o Decálogo? E para quê Ciência? Para quê Filosofia? Para quê sabedoria? Para quê Religião? Evidentemente para que todos sejam bons e se ajudem uns aos outros e se amparem uns aos outros. Do contrário, tudo seria inútil. É, portanto, no Novo Mandamento que vamos encontrar as soluções para todos os problemas da Humanidade.
O grande defeito encontrado na igreja de Sardo é que tem nome de que vive e, entretanto, está morta. E que elevada posição, sobre o ponto de vista mundano, ocupou a Igreja nominal durante este período? Amigos, vamos olhar para os seus títulos altissonantes*, para sua tentação pelo mundo. Mas também, depressa, aumentaram o orgulho e a popularidade, até que a espiritualidade ficou completamente destruída, obliterada* a linha de distinção entre a Igreja e o mundo, a ponto de esses diferentes corpos populares serem Igrejas do Cristo apenas de nome, apenas de fachada.
Esta Igreja devia ouvir a proclamação da doutrina do segundo advento, como vemos pelo versículo 3: “Se não vigiares eu virei sobre ti como vem um ladrão”. Isto supõe que a doutrina do advento devia ser proclamada e ser imposto à Igreja o dever de vigiar, isto é, manter sua fidelidade ao Cristo de Deus. A vinda de que se fala é incondicional; só o modo como se realizará, para Ele é que é condicional. E sua invigilância não impedirá a vinda do Senhor, mas vigiando podem evitar ser surpreendidos como por um ladrão – daí a imagem ser perfeita. Só para os que se encontram nesta condição é que o dia do senhor virá sem ser esperado, virá imprevistamente. Então, diz São Paulo na advertência da I Epístola aos Tessalonicenses, capítulo 5, versículo 4: “Vós, irmãos, já não estais mais em trevas para que aquele dia vos surpreenda como um ladrão”.

Ainda uns poucos de nomes em sardo
O que significa esta expressão? Esta linguagem representa um período de incomparável mundanismo dentro da igreja. Mas, mesmo neste estado de coisas, há alguns cujas vestes não estão contaminadas, alguns que se libertaram da influência, do contágio. O Apóstolo Tiago diz: “A Religião pura e imaculada diante de Deus, nosso Pai, é esta: visitar os órfãos e as viúvas nas suas tribulações e guardar-se da corrupção do mundo. Não é possível misturar religião com mafuá; religião com circo de cavalinhos; religião com iê-iê-iê. Está na Epístola de Tiago, a Epístola chamada Universal, capítulo 1º, versículo 27.

Comigo andarão de branco
O que é que significa esta expressão: comigo andarão de vestes brancas? Evidentemente, Jesus não abandona Seu povo em qualquer lugar, ainda que seja pequeno o seu número. Cristão isolado, que não se pode comunicar com ninguém que professe a mesma fé, a ele parece que as hostes dos infiéis podem tragá-lo, mas não passa despercebido, nem esquecido de Jesus, seu Divino Mestre e Senhor. Também te digo, Legionário Irmão, em qualquer ponto deste Brasil predestinado: A multidão dos ímpios que te cerca não pode ser tão grande que te encubra da vista de Deus. E se não te deixares contaminar pelo medo ou pelo mal que te rodeia, Sua promessa se cumprirá também em ti: serás vestido de branco, com as vestes brancas do Vencedor, e andarás com Jesus em SUA GLÓRIA, como está no capítulo 7, versículo 17: “Porque o Cordeiro que está no meio do trono os apascentará e lhes servirá de guia para as fontes das águas da vida; e Deus limpará dos seus olhos todas as lágrimas”. Isto é muito bonito! Que às vezes parece que estamos desprezados, abandonados, desamparados pelo próprio Deus e, entretanto, jamais isto aconteceu, nem poderá acontecer nunca, jamais! DEUS ESTÁ PERMANENTEMENTE PERTO DE NÓS, mais do que isto, ESTÁ DENTRO DE NÓS. Agora, que ELE nos experimenta, isto é verdade – ELE NOS EXPERIMENTA. Quer ver até onde vai o grau da nossa fé. Porque a fé é a substância das coisas desejadas, é a substância das coisas ainda invisíveis, para a maioria que não tem fé.



E estas vestes brancas?
Ser vestido de vestes brancas é explicado noutra passagem da Bíblia como um símbolo de mudar a iniqüidade em Justiça, o mal no Bem, a maldade na Bondade, basta ver o livro do Profeta Zacarias, no Velho Testamento da Bíblia, capítulo 3, versículos 4 e 5: “Tirai-lhe estas vestes que estão sujas...”. Isto é muito importante! Por que estão sujas? O que explica na linguagem que se segue: “Eis que tenho feito com que passe de ti a tua sujeira, a tua iniqüidade”. O linho fino que as vestes brancas representam, são os atos de Justiça dos Santos de Deus. Isto também nós vamos ver neste mesmo Apocalipse, no capítulo 19: O linho fino, linho finíssimo, as vestes brancas, são os atos de bondade de cada um de nós. Quando você dá um donativo; quando você se lembra de alguém que sofre; quando você tem uma palavra de amor, até para o seu inimigo, você está praticando atos de Justiça, para merecer o linho fino, as vestes brancas que Deus reserva para aqueles que O amam.

E o Livro da Vida?
Eis aqui um assunto de interesse arrebatador, representado como um vasto e pesado volume em que estão registrados os nomes de todos os candidatos à VIDA ETERNA. E haverá perigo, depois de os nossos nomes terem entrado nesse diário celeste, de poderem ser riscados depois? Sim, infelizmente, sim! Caso contrário, nunca teria sido feita esta advertência pelo próprio Jesus. O próprio São Paulo temia poder ficar reprovado (I Epístola aos Coríntios, capítulo 9, versículo 27). O próprio São Paulo, com toda a sua elevação moral, temia ser riscado. Só sendo por fim vencedores é que os nossos nomes poderão ser retidos no Livro da Vida. Mas, infelizmente, nem todos querem vencer, então seus nomes serão riscados.
E se faz a referência a um tempo determinado, no futuro, para esta obra: de maneira alguma riscarei os nomes dos vencedores, diz o Cristo, no futuro, o que equivale a subentender que, no mesmo tempo, riscará os nomes daqueles que não venceram. Não se tratará do tempo mencionado por São Pedro, no Livros dos Atos dos Apóstolos, capítulo 3, versículo 19? “Arrependei-vos – disse o grande pescador – convertei-vos ao Senhor Deus, para que sejam apagados os vossos pecados, as vossas maldades, e venham assim, os tempos de refrigério pela presença do Senhor”. Dizer ao vencedor que o seu nome não será riscado do Livro da Vida, é o mesmo que dizer que os seus pecados hão de ser apagados do livro onde estão registrados, para não serem mais recordados contra ele. Quem diz isto aqui? São Paulo, na Epístola aos Hebreus, capítulo 8, versículo 12, para quem quiser verificar. Dar-se-á isto quando vierem os tempos do refrigério pela presença do Senhor. E, segundo outra expressão do próprio São Pedro, devemos acrescentar que, quando a Estrela da Alva aparecer em nossos corações ou a Estrela da Manhã for içada à Cristandade, logo antes de a vinda do Senhor Jesus iniciar aquele Dia glorioso (basta reler II Epístola de São Pedro, capítulo 1º, versículo 19 e conferir com o Apocalipse, capítulo 2, versículo 28). Quando chegar esta hora de decisão, que não pode estar num futuro muito distante, é lógico, o que é que vai acontecer conosco? Irmão, o que é que vai acontecer contigo?! Serão apagados os teus erros? Teu nome será conservado no Livro da Vida? Ou será teu nome riscado desse Livro Divino, e ficarão lá os teus pecados, com seu terrível registro contra a tua salvação?

Confessarei teu nome diante de meu Pai e diante dos seus Anjos
Como Jesus é bom! O Cristo ensinou que, conforme os homens O confessarem ou negarem, é claro, O desprezarem ou honrarem neste mundo, assim serão confessados ou negados por Ele diante do Pai que está no Céu e diante dos seus Santos Anjos. Isto está também no Evangelho segundo São Mateus, capítulo 10, versículo 32; Evangelho segundo São Marcos, capítulo 8, versículo 38; Evangelho de Jesus segundo São Lucas, capítulo 12, versículos 8 e 9.
Mas que honrar serem aprovados diante das hostes celestiais! Quem poderá conceber esta ventura? A ventura daquele momento em que hão de ser confessados, testemunhados, elogiados por Jesus, O SENHOR DA VIDA diante do ETERNO PAI; elogiado como tendo feito a SUA VONTADE, combatido o BOM COMBATE, mantendo a fidelidade até o fim, para receber a coroa da vida. Isto é muito sério! A cada Legionário que também, volta e meia, é provado na sua Fé, Jesus dirige esta advertência: AQUELE QUE ME TESTEMUNHAR DIANTE DOS HOMENS TAMBÉM EU O TESTEMUNHAREI DIANTE DO PAI QUE ESTÁ NO CÉU; MAS AQUELE QUE ME NEGAR DIANTE DOS HOMENS EU TAMBÉM O NEGAREI DIANTE DO PAI QUE ESTÁ NO CÉU. SÊ FIEL ATÉ A MORTE E EU TE DAREI A COROA DA VIDA. Isto é muito importante!
Eu também não posso tirar a prova de nenhum companheiro de lbv. Eu, às vezes, sei a razão de certas coisas, mas tenho que ficar calado. Eu não fui experimentado? Cada Legionário tem de ser experimentado! Você está na Legião por causa de uma estação de rádio? Porque a Legião tem um terreno em Nova Iguaçu? Porque a Legião possui um Templo em Cascadura? Ou você está na Legião da Boa Vontade porque acredita em Jesus? Você acredita na lbv pelos seus frutos, principalmente pela Revelação do Novo Mandamento, que é o assunto mais importante dos Evangelhos? Se você está na lbv com este pensamento nada o pode abalar. A lbv não veio para ser proprietária de estações de rádio, nem de televisão, nem de cinema, nem de teatro. A lbv, ela terá todos os recursos necessários desde que vocês mantenham sua fidelidade Àquele que dá todas estas coisas, quando necessárias. Quando Deus nos tira um veículo nos dá quatro, nos dá cinco. Eu não estou sendo agora convidado pela TV Bandeirantes de São Paulo, Rádio Bandeirantes? Outros querem que eu vá para Rádio Record, outros querem que eu vá pra aqui, pra ali, para acolá. Nunca recebi tantos convites. Eu vou fazer vídeo-tape para todo o território nacional onde haja televisão! Ou a lbv tem de ser comerciante e ter rivais nas outras Emissoras, por quê? Basta que ela tenha seu estúdio de gravação. A lbv não veio para competir comercialmente com ninguém. Ao contrário, antes todas as rádios se fechavam, todas as televisões... agora, que não somos rivais, todas as televisões e emissoras abrem as suas portas, mas quem está abrindo os caminhos é Nosso Senhor Jesus Cristo. A mensagem é muito importante: SÊ FIEL ATÉ A MORTE E EU TE DAREI A COROA DA VIDA. Quem fala assim é o dono de todas as estações de rádio, de todos os jornais e televisões, de todos os teatros e cinemas; é o dono de todos os Bancos; é o dono do Fundo Monetário Internacional; é o dono do Banco Mundial; é o dono de todas as riquezas do mundo! E nós mesmos somos propriedades Dele.
Portanto, amigos, Irmãos Legionários de todo o Brasil, na hora do XI Congresso, quando dizemos ao Brasil: ATENÇÃO, MENINOS! JESUS ESTÁ VOLTANDO! Mais do que nunca temos de estar testemunhando o Cristo de Deus diante dos homens, porque ELE está voltando! Este é o sentido da nossa mensagem. Todos unidos, todos realmente congregados na maior Família Fraternista do Mundo – é a Família do Novo Mandamento de Nosso Senhor e Mestre Jesus! SÊ FIEL ATÉ A MORTE E EU TE DAREI A COROA DA VIDA.

Veremos amanhã este mesmo capítulo, a partir do versículo 7. É uma epístola muito interessante esta mensagem à Igreja de Filadélfia, a começar pelo nome, porque Filadélfia quer dizer – amor fraternal.
Digam como é que estão recebendo esta explicação. Escrevam dizendo: “estou entendendo; não estou entendendo”. Porque estou sendo claro até onde é possível ser claro. Porque nem tudo eu ainda posso dizer. Para o bom entendedor, meia palavra basta. Portanto, todos alerta, todos num pensamento só, aguardando aquele GRANDE DIA, PORQUE JESUS ESTÁ VOLTANDO PARA NOSSA SALVAÇÃO.

QUE A PAZ DE DEUS ESTEJA COM TODOS E

VIVA JESUS!

Nenhum comentário:

Postar um comentário